Notícias

Inventor e mulher desenvolvem ‘robô mendigo’ na Holanda

'É preciso ter talento para fazer Dirk parecer gente', diz criador. Confundido com humano, robô chegou a ser preso na Alemanha.

Em Amsterdã, na Holanda, nem a temperatura abaixo de zero desanima os artistas de rua. Dirk não é um mendigo qualquer. Ele já andou pelas ruas de mais de 20 países e sempre, por onde passa, chama a atenção.

Ele mora em um lugar afastado de Amsterdã e bem diferente –onde as pessoas moram em tendas e onde se encontra de tudo pelas ruas: um carro abandonado e uma bicicleta com rodas gigantes. No local funcionava um antigo estaleiro abandonado, e o local foi ocupado por artistas.

Brasil é um dos países mais vulneráveis a ataques cibernéticos, diz pesquisa

Estudo cita denúncias de que os últimos apagões elétricos no Brasil teriam sido causados por hackers.

Em uma comparação feita entre 14 países, um estudo colocou o Brasil como o país que menos atualiza seus programas de defesa contra hackers e o que mais sofre chamados ataques de negação de serviço (DDoS, na sigla em inglês) – aqueles em que invasores sobrecarregam um sistema para tirá-lo do ar.

O relatório No Fogo Cruzado: As infra-estruturas essenciais na era da guerra cibernética foi produzido pelo Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais (CSIS, na sigla em inglês), em parceria com a fabricante de antivírus para computador McAfee.

Twitter da Lei Seca disputa 'Oscar' de microblogs em Nova Iorque

Prêmio 'The Shorty Award' foi criado especialmente para o twitter.

Blog que avisa sobre blitz tem mais de 32 mil seguidores.

Carolina Lauriano Do G1, no Rio

035468646-EX00A Operação Lei Seca, que há 9 meses registra queda no número de vítimas de trânsito e gerou polêmica pela forma que é realizada, foi parar no twitter (serviço de microbolg). A página já tem quase 32 mil seguidores e pode ganhar o "Oscar" do Twitter.

O prêmio “The Shorty Award”, criado especialmente para as páginas do twitter, tem 27 categorias e concorrentes do mundo inteiro. O microblog LeiSecaRJ está na frente na categoria “notícia” e disputa com mais 800 concorrentes.

Já o jornalista William Bonner, apresentador do Jornal Nacional, é o preferido na categoria “jornalista”, com mais de 700 concorrentes. O “Oscar” do twitter vai ser anunciado em março, em Nova Iorque, nos Estados Unidos.

Os vencedores são determinados a partir da combinação da votação popular com os votos dos membros da academia. Esta é a segunda edição do "The Shorty Award" e a premiação é anual.

A página do twitter do LeiSecaRJ, criada para informar sobre os locais da operação, também é estampada em camisetas, que já somam cerca de dois mil pedidos de compra.

Como surgiu o microblog

Para o criador da página, Eduardo Trevisan, a operação dá resultados, mas é falha. Ele defende que o governo deveria ampliar, primeiramente, o horário de funcionamento dos transportes públicos durante a madrugada, como metrô, barcas e trem, e também ampliar a frota de ônibus nesse horário. Além disso, ele critica a falta de certificado do etilômetro, o medidor de álcool. Mas a principal revolta do LeiSecaRJ, segundo ele, é o trânsito gerado pela operação.

“A ideia surgiu quando um dos moderadores estava voltando, num fim de segunda-feira, para a Barra da Tijuca, após uma reunião estressante que varou o expediente e encontrou-se, durante meia hora, preso num engarrafamento na descida do Elevado do Joá”, conta ele.

Segundo Trevisan, que é consultor de Marketing, depois dos 30 minutos parado, o amigo também teve que enfrentar fila para realizar o teste. O microblog, dessa forma, surgiu após a insatisfação do motorista. De acordo com Trevisan, “para evitar que outras pessoas passassem pela mesma situação”.

Procurada pelo G1, a coordenação-geral da Operação Lei Seca, da Secretaria de Estado de Governo, informou que todos os etilômetros são certificados pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e Qualidade Industria).

Camisas

A venda das camisas começou depois que Eduardo Trevisan apareceu em um programa de televisão usando a blusa com os dizeres “Operação Lei Seca Eu Twitto”, feita em casa por sua mulher. Ele afirma que foi preciso terceirizar o serviço para dar conta dos pedidos.

Atualmente, o twitter LeiSecaRJ avisa também sobre vias fechadas por traficantes, áreas perigosas, acidentes de trânsito, apagões e alagamentos. Eles recebem de 100 a 200 novos seguidores por dia.

“Ao contrário do que muitos pensam, não somos nem um pouco a favor de beber e dirigir”, disse ele.

Desconto em táxi

Trevisan afirmou que na próxima semana os seguidores do LeiSecaRJ no twitter terão descontos nas tarifas de uma companhia de táxi, a partir de uma senha diária que será emitida na página deles.

“Começamos sim como um grupo revoltado, somente. Porém, por trás desta conta do twitter há cidadãos responsáveis e conscientes. Recentemente fechamos um acordo com uma companhia de táxi para oferecer o mesmo desconto que o governo de São Paulo conseguiu em toda sua frota de táxi. Um governo que te oferece 20% nas corridas, de sexta-feira a segunda, para quem apresentar nota fiscal de consumo em bares e restaurantes, consegue acertar vários coelhos com um tiro e aumenta a arrecadação do ICMS, obrigando os bares a emitir a nota”.

A assessoria do governo do estado informou que não irá se manifestar sobre a página criada no twitter, pois essas são alternativas de informação e liberdade de expressão.

De acordo com o balanço divulgado pela Secretaria de Estado de Governo no início do mês, mais de 3.700 pessoas foram salvas na cidade do Rio em 2009, desde o início da Operação Lei Seca, no dia 19 de março. Em dezembro, o número de vítimas caiu 26,9% em relação ao mesmo período de 2008.

Foto: Divulgação

Inventor do 'Obama on-line' diz que redes sociais só funcionam em mão dupla

G1 conversou com Scott Goodstein, que trabalhou na campanha de 2008.

Consultor foi responsável por estratégia de campanha pela Internet.

Gustavo Petró do G1, em São Paulo - Foto: Gustavo Petró/G1

obama

O sucesso de Scott Goodstein ao coordenar a campanha de Barack Obama nas redes sociais nos Estados Unidos chamou a atenção dos políticos brasileiros para as próximas eleições. Embora ele afirme que ainda não tenha acertado trabalhar para nenhum partido, apesar dos rumores de que ele seria contratado do PT, no momento ele estuda como poderá criar uma estratégia on-line para a campanha eleitoral no Brasil.

Na Campus Party 2010, onde foi palestrante, Goodstein defendeu a importância de se trabalhar com pequenos nichos na internet e de modelos gerais de interação em comunidades on-line. Para ele, mais importante do que atingir todos os eleitores é conseguir mobilizar um público específico, fazendo com que ele se mobilize e consiga chamar amigos para criar algo muito maior. “É por meio das redes sociais que os políticos podem se comunicar com seus eleitores, saber o que eles pensam, quais são suas dúvidas e criar uma via de duas mãos”, conta.

Entretanto, Goodstein afirma que, para que os usuários da internet criem informação e possam se organizar para uma mobilização política, o Brasil precisa garantir o acesso à rede a maioria das pessoas. Antes de se apresentar para os campuseiros, Goodstein conversou com o G1 sobre o engajamento político na internet e a importância das mídias sociais para uma campanha política.

À espera de tablet, mercado conta as horas para anúncio da Apple

'Nova criação' da empresa será anunciada nesta quarta-feira (27).

Aparelho extraplano teria tela sensível de cerca de 10 polegadas.

Do G1, com agências internacionais*

tabletO mercado de tecnologia mundial se volta nesta quarta-feira (27) para São Francisco, nos Estados Unidos, onde será anunciada uma nova criação da Apple. Apesar de a empresa não ter divulgado quais serão os produtos lançados a partir das 10h na hora local (16h em Brasília), espera-se que um deles seja o primeiro computador tablet da companhia.

Veja os sucessos e fracassos da Apple

Durante a divulgação do balanço trimestral da Apple, na noite de segunda-feira (25), Steve Jobs, CEO da companhia, confirmou que "uma grande novidade" está a caminho, o que reforçou a expectativa pelo tablet. "Os novos produtos que vamos lançar neste ano são muito fortes, começando nesta semana com uma grande novidade que nos deixa bastante entusiasmados", disse.

Sem confirmações oficiais sobre o tablet, poucos detalhes são conhecidos sobre o produto, que se pareceria uma versão maior do iPhone, com uma tela de aproximadamente 10 polegadas. Analistas afirmam que o tablet tentaria criar uma ponte entre os smartphones e os laptops, permitindo aos usuários acessar a internet, assistir a vídeos e se divertir com jogos. O preço estimado do produto, que deve começar a ser distribuído entre março e abril, pode chegar a US$ 1 mil.

Os computadores tablet nunca chegaram a ganhar popularidade com os consumidores e observadores da indústria. Por isso, a Apple precisará apresentar um produto de forte apelo para fazer as pessoas comprarem o tablet. Se os consumidores aprovarem o aparelho, ele pode ainda levar a Apple a ganhar terreno no mercado de livros digitais popularizado pelo e-reader Kindle, da Amazon, afirmam analistas.

A Apple estaria negociando com editoras como a New York Times, a Conde Nast Publications e a HarperCollins Publishers, de propriedade da News Corporation, para chegar a um acordo de cooperação e vender conteúdos dessas empresas no tablet. Segundo a empresa de consultoria Sanford Bernstein, o tablet tem potencial para se transformar automaticamente em um sucesso e poderia vender cerca de 3 milhões de unidades em seu primeiro ano, três vezes mais que todos os computadores similares do mercado juntos durante 2009.

Algumas versões dizem que a Apple também mantém conversas com algumas redes de televisão, como "CBS" e "ABC" para oferecer seus programas, e que negocia também com a produtora de videogames Electronic Arts.

"O sucesso do tablet dependerá de como o produto se adaptará à vida diária do usuário e se oferecerá conteúdo suficiente para fazer com que valha a pena usá-lo", disse ao diário "The Wall Street Journal" Henry Lu, presidente da taiwanesa Micro-Star Internacional, companhia que fracassou em sua tentativa de vender um computador parecido há alguns anos.

A feira Consumer Electronics Shows (CES), que ocorreu no início do mês em Las Vegas, estava abarrotada de tablets, ou "slates", muitos deles protótipos de empresas como Hewlett-Packard, Dell e Lenovo. Os analistas dizem que os concorrentes da Apple estão tentando roubar alguma atenção antes do lançamento do tablet da fabricante do iPod.

Foto: Reprodução

*Com informações da EFE e da Reuters

Anunciado! Confira no G1

Imagine Comunicação Digital

Av. Treze de Maio, 1116, Sala 1901, Fátima | CEP: 60040-530 | Fortaleza - CE - ver no mapa | Google+

Telefone: +55 (85) 3032-9525 | Email: atendimento@imagineseusite.com.br | Siga nas redes:

© Imagine Comunicação Digital